A herdeira – Mariana Ribeiro

A Herdeira no Comenta livros

Hoje comentarei o livro da nossa parceira Mariana Ribeiro. Ele é novinho, um romance de época com muita história e amores não correspondidos.

Entramos na vida de Maria Luiza, uma mulher rica, única filha, determinada a ser feliz e casar por amor. É uma personagem muito forte para a época, estamos falando de 1864, uma jovem com uma opinião muito forte, sem preconceitos e com um coração enorme para ajudar o próximo.

Seu pai é um Marquês que vê no casamento arranjado a oportunidade de ficar com mais dinheiro e poder. Maria Luiza foge disso e se forma em Enfermaria onde pretende fugir do casamento e ajudar aqueles que precisam, pois a Guerra do Paraguai estourou nessa época.

Em contato com os soldados, conhece o Major Martim por quem se apaixona e juntos, mesmo apesar das diferenças, viverão uma linda estória de amor.

Porém nem tudo estava lindo e maravilhoso, quando seu pai não aceita esse amor e determina que ela se case com o Duque William, mesmo contra sua vontade. Ela cede, pois diante de tantos desencontros e mentiras, imagina que seu amor morreu na guerra.

Um parênteses a parte, Martim é um personagem que gostei no começo do enredo, mas depois fiquei com muita raiva dele, acredito ser um personagem falso que visa somente a sua carreira e fará Maria Luiza sofrer muito.

O Duque William foi o contrário, não simpatizei com ele, mas no decorrer de tudo, foi o personagem que mais gostei. A sua paciência, amor por Maria Luiza, suas atitudes, fizeram dele um espetáculo a parte. Um lorde inglês de verdade.

Maria Luiza apesar de ser uma mulher forte, determinada mesmo com pouca idade se transforma numa pessoa que busca a verdade e a justiça a qualquer custo. Enfrenta a família, sociedade, Igreja em busca de um amor proibido para a época.

Chora muito no livro todo, pois sofreu demais, muito sensível, foi realmente surpreendente.  Esqueci de dizer que sua beleza encantava a todos por onde passava e a sua família, foi realmente má com ela em algumas situações, escondendo a verdade, mas no fundo queriam apenas a felicidade dela, vocês vão entender o que falo.

Voltando a história, temos detalhes interessantes sobre a Guerra do Paraguai, queda da Monarquia, mineração, escravidão, isso foi um ponto muito positivo. Relembrar esses acontecimentos, foi pretensioso e corajoso da escritora, mas de uma assertividade que foi memorável reviver esses momentos.

Maria Luiza terá que fazer uma escolha na vida que vai alterar todo o rumo do seu destino, mas gostei muito da sua decisão. Depois de tanto sofrimento, merecia um final digno de uma Herdeira.

No meio de tantos saraus, festas, óperas, música no piano, vestidos, cortejos, esse é um livro magnifico.

As 542 páginas e sua capa me encantaram desde o primeiro momento  e o final foi interessante e fiquei com a sensação de uma continuação, porque Martim me surpreendeu com uma atitude, mas também o perdão, o amor prevaleceram na verdade das vidas de Maria Luiza e William.

Enfim, o livro é isso, uma viagem no tempo e na história regado de amor, canções, perdões, superações e momentos de puro prazer.

Não conto mais nada, leiam e depois me digam o que acharam.

Querem conhecer mais da escritora?

https://www.facebook.com/marianaribeirou

Espero que gostem.

Boa leitura.

2 thoughts on “A herdeira – Mariana Ribeiro

  1. Oi, Adriana.
    Fico muito feliz em saber que apreciou a leitura do livro. Gostei bastante da resenha e por não ter revelado spoilers. Acho que da forma como foi concluído tanto pode haver uma continuação ou não. Ainda estou pensando sobre isso. Uma parte de mim quer muito voltar a trabalhar com esses personagens. É um livro que me marcou muito e que mais levou tempo para ser concluído.
    Bjos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *