Retrato do artista quando jovem – James Joyce

Retrato do artista quando jovem no Comenta Livros

Tinha ouvido falar bem sobre esse livro, mas me decepcionei com o passar das páginas.

No começo é interessante pois temos um personagem, Stephen Dedalus, num colégio de padres, sofrendo bullying e tentando entender a religião e seu fanatismo na Irlanda.

Então percebi que com o decorrer da história da sua infância até a maioridade, sua fé e crença são testadas a todo momento e suas divagações são oportunas para os dias de hoje.

Porém fica cansativo o livro, tem passagens de padres fazendo sermões que são enormes relatados por eles, então me vi completamente desanimada.

Não me interessou e não captei a importância dele como falaram, me desculpa, mas não via a hora de terminar para tentar achar algo legal.

Um final sem uma construção apropriada, com um artista livre de ideias, conceitos, opiniões.

São 336 páginas que para mim não é um espetáculo, mas foi bom. Apenas isso.

Preço ótimo para livro digital e acessível para livro físico.

Se você leu e gostou me conta e se não gostou me conta também.

Fico triste quando não consigo me empolgar com o livro, mas não posso mentir e dizer que é bom.

Respeito o autor,  mas  não foi a minha leitura favorita.

Boa leitura.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *