O enigma da borboleta azul – Nina Muller

Nina Muller no Comenta Livros

Um livro com um assunto polêmico entre amar a esposa do irmão. Pronto, já percebemos que vem coisa boa ou ruim.

Lorena se deixou seduzir por um homem que mal conhecia e resolve se casar com Thales Fisher, cujos defeitos e traços de personalidade foram ocultos por trás de uma máscara de marido perfeito. Ela, jovem e inexperiente, se casou sem nem pensar, mesmo sendo alertada por sua família.

Lorena idealizava uma vida perfeita, um marido que fizesse suas vontades, fosse justo e a amasse muito. Mas aconteceu de outra maneira. Ela pensou ter tomado a decisão certa, mas viu que seu impulso atrapalhou.

Não que Thales fosse tão ruim, nada disso, tinha seus encantos, mas sua personalidade dizia e mostrava o contrário.

Então seu cunhado Greg aparece e sua vida vira um inferno.

Greg é o braço direito nos negócios do seu pai, viaja o mundo e tem todas as mulheres a seus pés. Sua carreira é o que importa e não se prende a ninguém.

Tem um charme e uma beleza que faz com que Lorena se derreta toda.

Então, nasce uma atração entre os dois, incontrolável. Não tem como fingir ou fugir disso.

Como Lorena fará para se livrar desse amor? Sim, porque ela está na família, como dirá que escolheu o irmão errado?

Ela fez a escolha errada e Greg não quer ficar entre o amor e a família, porque o que percebemos é que ele dá muito valor a isso. Além do mais sempre teve que ouvir de Thales que era o preferido do pai, dos negócios e isso seria bem difícil.

O livro vai se desenrolando com muito drama, nada tão empolgante como achei, mas que faz refletir sobre as escolhas que fazemos na vida e que tudo tem seu preço.

Gostei muito do final, justo, coerente. Confesso que no início tinha pena do Thales mas, conforme Greg vai se mostrando e Thales se revelando, meu favoritismo se transforma completamente.

Tem 390 páginas com uma capa romântica e uma estória que te faz pensar muito.

Espero que gostem e comentem aqui. Será que dessa vez Lorena fez a escolha certa?

Leiam, aguardo o comentário de vocês.

Boa leitura.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *