Na mesma página – Katerine Grinaldi

Não posso descrever como fiquei feliz e emocionada com esse livro, tanto que devorei em dois dias, isso mesmo!

Bom,  a capa já é fofa, preço ótimo para livro digital e 252 páginas que nem percebi.

Os personagens cada um à sua maneira te conquistam mesmo em alguns momentos você com vontade de esganar um ou outro. A prima de Katerine é muito interessante e forte, além de dar ótimos conselhos.

Giuliana é uma doce mulher, teimosa as vezes, muito família e inocente em alguns momentos, que é noiva do chato do Rafael que só pensa em ganhar dinheiro e ser promissor na sua carreira.

Além disso no decorrer do livro Rafael mostra ser extremamente abusivo verbalmente, humilhando Giuliana e dizendo o que ela deve fazer ou não da sua vida.

Isso gera um transtorno em Giuliana que fará lá na frente ir ao médico tratar de seus traumas e medos para recomeçar.

Giuliana é recém-formada em Letras e não consegue arrumar um emprego fixo, mesmo precisando para ajudar sua mãe, uma mulher forte e muito batalhadora.

Diante de tantos obstáculos e a falta de apoio de Rafael, Giuliana se vê cada vez mais triste e o sonho de ser professora ficando cada vez mais longe.

Diante disso toma atitudes que não a farão feliz e mesmo com um amigo retornando a sua vida, parece que nada tem mais sentido.

Aliás esse amigo tem um mistério que te prende até o final.

Incertezas, escolhas, paixões farão parte deste livro com boa parte em Cabo Frio e o restante no Rio de Janeiro! Já imaginou que cenário incrível não é?

Música também acompanha esse enredo assim como a dança.

Mistério e violência não podiam faltar para dar um suspense mais incrível com um pouco de adrenalina até o final.

Será que Giuliana realizará seu sonho de ser professora?

O que acontecerá com o seu noivado?

Rafael estará ao seu lado mesmo suas escolhas não sendo do gosto dele?

Um certo rapaz será capaz de fazer o coração de Giuliana finalmente conhecer o amor?

Muita coisa acontece no livro, vale a pena cada página e você não pode deixar de ler e torcer por essa menina -mulher que amadurece e entende é o que é a vida e como podemos ser felizes fazendo o que gostamos.

Até o próximo comentário.

Quer ouvir o podcast? Acesse o link.

Podcast Na mesma página
Redes Sociais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: