Como quase namorei Robert Pattinson – Carol Sabar

Esse livro “bombou” na Bienal do Livro apesar de ter sido escrito há algum tempo.

Ele nos conta a vida de Duda e suas amigas estudantes da PUC que decidem ir para Nova York estudar inglês por 6 meses, vale lembrar, todas ricas.

Duda tem 19 anos e simplesmente é fascinada pela saga Crepúsculo. Tão fascinada que chega até ser cansativo, mas como é um livro para os adolescentes, a escritora acertou em cheio.

Quando chega em NY não vê a hora de encontrar Robert Pattinson a qualquer custo. Uma parte engraçada do livro é quando acontece algo com seus livros da saga e ela fica desesperada.

Nesse meio tempo, conhece seu vizinho de apartamento Miguel Defilippo que é a cara do seu ator da saga. Isso a deixa maluca e apaixonada.

Muita reviravolta nessa parte com toques de humor e amor de adolescente.

A personagem Duda achei bem infantil para sua idade, parecia uma menina de 10 anos e as vezes boba demais, isso ficou bem chato e fez com que não me encantasse por ela.

Goste ido personagem Pablo do curso de inglês, que se tornou seu melhor amigo. A relação foi intensa da parte dele, mas ela as vezes o ignorava sem perceber.

A relação com sua prima, amiga e irmã nesse período é bem legal, mas a sua mãe, por ser uma correspondente internacional, parecia mais infantil que a filha. Bem sem graça a estória.

No mais o livro está bem escrito, com a linguagem que o jovem gosta, onde o final foi bonitinho e a Duda fez algo que mostrou a sua maturidade nesse período que estudou fora.

A capa é legal, o preço para livro digital está muito bom e para livro físico de acordo com a mesada do seu filho.

São 464 páginas que acredito que seu filho ficará bem fissurado pela estória pois com certeza é seu mundo.

Boa leitura.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *