O paciente improvável – Alonso Alvarez

Nesta edição do nosso Contém um conto, trazemos uma história inédita de Alonso Alvarez.

Alonso Alvarez nasceu e mora em São Paulo e é escritor, artista gráfico e editor. No Grupo Companhia das Letras, participou da antologia Haicais tropicais (2018).

Um conto que fala bem o que vivemos hoje: a pandemia.

Num hospital dois enfermeiros protegidos por seus equipamentos em mais uma noite de plantão, percebem como tudo mudou com a chegada desse vírus.

O hospital público cheio de gente infectada ou morta, familiares querendo saber notícias e o cansaço de ambos era evidente.

De repente numa maca de número 127 um indivíduo que está lá desaparecido a algum tempo é reconhecido por um dos enfermeiros que sabe que ele é.

Na dúvida se era realmente aquela pessoa, viram numa reportagem da TV que ele havia desaparecido e concluíram que ele naquela maca ainda estava com vida. Será?

Só que uma coisa intrigante é que o relógio da parede fica parado e só volta a funcionar minutos depois quando algumas pessoas começam a levantar das macas curadas e indo embora.  

Este indivíduo como não se levantou foi levado correndo para ser tratado e chegamos ao fim do conto.

Seria uma celebridade? Autoridade? Jesus?

Não ficou claro, deixe a sua mente vagar e imaginar o que é.

Até o próximo conto.

Redes Sociais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: