Textos da Dri – O Despertar de um Guerreiro

O Textos da Dri desta semana resolveu homenagear a força de vontade de um guerreiro que despertou depois de um sono profundo marcado pela tragédia, porém sua perseverança com a ajuda de seus familiares, faz toda a diferença.

No final de semana que passou me surpreendi com uma notícia que o empresário e fundador do China in Box e o Gendai, Robinson Shiba, tinha sofrido um acidente de moto em 2019, ficado em coma e somente por esses dias tinha despertado e retornado para casa. Não acreditei, não sabia e fiquei realmente triste. Mas a família preferiu deixar tudo de forma bem discreta.

Shiba como é conhecido, estudante de odontologia foi aprender inglês nos Estados Unidos quando tinha 20 anos de idade. Trabalhando como lavador de pratos ou entregador, estudou o mercado de delivery americano. A inspiração levou à fundação das redes China In Box e Gendai. Além dessas franqueadoras, Shiba também ficou conhecido por sua participação no reality show Shark Tank Brasil. Além disso escreveu o livro Sonhos in Box contando sua história.

Em suas redes sociais Shiba mostra sua força e superação todos os dias.

Hoje faz terapias com fonoaudióloga, fisioterapeuta e terapeuta ocupacional. Também faz acompanhamento com um neurologista. Tudo isso se protegendo contra o coronavírus.

Aos poucos Shiba tenta subir a superfície de sua vida mostrando o quanto forte tem que ser, o quanto a vida cobra isso dele.

Parabéns a esse empresário e guerreiro que quis o destino passasse por tudo isso, porém tenho certeza que logo voltará as suas atividades, além de fazer suas palestras que tanto motivava os profissionais desse país.

Shiba, força, lute pela vida e acredite que em breve você fará tudo que mais ama.

Assim o Textos da Dri de hoje foi sobre um fato que mudou a vida de um homem, como vivemos no limite entre a vida e a morte. Por isso encerro com uma frase que li em algum lugar, mas que tem tudo a ver com o momento.

A vida é uma peça de teatro que não permite ensaios. Por isso, cante, chore, dance, ria e viva intensamente, antes que a cortina se feche e a peça termine sem aplausos.

Até o próximo Testos da Dri.

Adriana Mellado

Redes Sociais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: