Passado Perverso- Gui Ribeiro

Adoro os livros do Gui Ribeiro pois ele tem um talento e escreve de uma forma madura que nem parece a idade que tem. Amadurecimento também nos seus livros, sempre com assuntos fortes e polêmicos.

Minha amizade com Harley começou dos livros anteriores que deixarei os links no final do comentário.

Harley me deixou com muita raiva, depois pena, dó, amizade e no último livro que li, surpresa.

Alguns de seus posicionamentos não entendia, incluindo seu modo de agir e sua entrega ao álcool. Assim o escritor me mostrou tudo nesse livro impactante, emocionante, forte, polêmico, real e tão devastador.

Harley nos mostrará como conheceu Eldric ao chegar numa cidade que tinha até aquele momento uma criança morta que se chamava Lucas Yard. Ele foi morto e encontrado numa caixa de areia de uma praça. A outra criança ainda estava desaparecida. Diante do fato, a mãe dessa criança contrata Harley para descobrir o assassino.

A partir disso começamos a investigação com Harley e todos os empecilhos que ela encontrou pelo caminho. Ninguém dava informação certa, o delegado da cidade a ignorava, situações desencontradas, mas ela não desistia.

Aliás, cada suspeito que falava com ela parecia o culpado porque todos tinham segredos obscuros diante de uma situação de vida feliz.

Nesse contexto o profissionalismo dela é muito persistente porque não desiste fácil e tenta resolver custe o que custar e aqui o álcool proporciona um ânimo e sua inteligência fica mais afiada.

À medida que a investigação avançava, perigo e revelações fortes eram mostradas e os gatilhos começaram.

Vale dizer que o escritor não perdeu o foco e o objetivo, tudo era esclarecido naquele momento ou em outra página conforme avançávamos.

Aos poucos fui entendendo Harley e o momento que ela conhece e trabalha com Eldric foi muito legal.

Aliás, nos outros livros, Eldric me pareceu misterioso e queria saber como eles tinham se encontrado e nesse fiquei pasma com tanta carga emocional que ele tem e fiquei com a sensação de que um monstro está adormecido dentro dele. Esse monstro se revelou um pouco, porém vai explodir uma hora, ou não? Só esperando o último volume.

As cenas dele revelando verdades a Harley são fortes e tristes, chega a doer em nossa alma tanta crueldade praticada por um ser humano.

Toda a raiva que eu tinha dela foi dissipando e juntas vamos ligando as pistas do caso e surpresas acontecem e fazem você devorar as 453 páginas.

Inocência e brutalidade são bem fortes nesse livro com as trevas rodando a vida de Harley que no final do livro está com Eldric sumindo daquela cidade que mexeu tanto com o seu psicológico.

Bem escrito, com final que você liga com os outros livros, impactante com a forma como jamais imaginava o envolvimento de certas pessoas, tão livres de culpa e não podia deixar de dizer, inteligente.

Gui Ribeiro foi no fundo do poço da personagem mostrar seu mundo mais podre e mal resolvido e trouxe uma história com mistério, crime, suspense escritos de uma forma brilhante. Mostrou Eldric sem amarras porém com fatos ainda não resolvidos e trouxe além disso a Igreja com as imposições, limitações e transgressões.

Parabéns ao escritor pela história e fico feliz de ter ficado de bem de Harley e entender um pouco mais essa mais nova amiga.

Cada personagem do livro foi bem estudado, detalhado e interligado de alguma maneira, o que foi surpreendente.

Espero que tenham gostado do comentário, leiam o livro e até o último volume que acredito será translúcido, mas concluído com chave de ouro.

Capa espetacular e preço ótimo para livro digital.

Links dos outros livros.

Medo sublime – Gui Ribeiro

Obsessão Sublime – livro 2 – Gui Ribeiro

Quer ouvir o podcast?

Podcast Passado Perverso
Redes Sociais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: